Palavra do Sesc
Outros Nós a Partir do Sul

por Danilo Santos de Miranda
Diretor Regional do Sesc São Paulo

No cenário global contemporâneo, as fronteiras que dividem os Estados-nação e indicam suas posições no mapa-múndi são relativizadas pelas dinâmicas transnacionais de mercado. Nesse contexto, a ideia de geopolítica adquire centralidade. Ao conjugar aspectos geográficos e políticos, essa noção reflete a interdependência entre fatores territoriais, demográficos e econômicos num dado país ou região, cuja governança depende de decisões baseadas em variáveis internas e externas.

No âmbito cultural, a intensificação das relações entre os países proporciona um cosmopolitismo ambivalente. Por um lado, atualizam-se as formas de colonização do relações, tendo por base a razão imperialista forjada e difundida pelas grandes potências. Esse mesmo processo abre, por outro lado, uma surpreendente contraface não hegemônica, através da qual outras formas de produzir conhecimento vêm à tona, reivindicando a descolonização do saber ao passo que postulam modos alternativos de lidar com a história e as contradições do presente.

O reconhecimento da importância da produção simbólica emergida das margens do sistema mundial capitalista beneficia-se do conceito de Sul global, caro

às premissas do 20º Festival de Arte Contemporânea Sesc_Videobrasil. Apresentando propostas de artistas provenientes de diferentes nações do Sul geopolítico – relativo aos países em desenvolvimento –, o Festival aposta na ampliação das concepções de mundo, alavancada por investigações artísticas imbuídas de problemáticas que se revelam, dialeticamente, locais e globais.

Situando-se nessa encruzilhada onde o específico e o geral se encontram, o Sesc realiza uma ação cultural afeita a experiências dedicadas a desfazer as amarras herdadas do passado colonial e contraídas de uma condição geopolítica periférica. Iniciada nos anos 1990, a parceria entre o Sesc e a Associação Cultural Videobrasil vem possibilitando que esses cruzamentos entre as linhas de força locais e internacionais resultem na invenção de outros nós a partir do Sul.

Apoio institucional
Apoio cultural
Parceiros de residência
Colaboração